Acesso a Informação

Acesso Rápido

Do que você precisa?

Telefones Úteis

Governo do Ceará discute a inclusão de 32 novos municípios na região do semiárido

A vice-governadora, Izolda Cela, participou nesta quinta-feira (27), em Recife-PE, de reunião do Conselho Deliberativo da Sudene (Condel).

Fraport assume administração do Aeroporto de Fortaleza

Inicialmente, a operadora alemã vai comandar o terminal cearense juntamente com a Infraero.

Últimas Notícias Leia mais

Diagnóstico Cidadão: pacientes podem dar opinião sobre serviços de saúde PDF Imprimir

 

170717_DIAGNOSTICO_CIDADAO_MVS1828_WEB.jpg

 

O Ceará passa a contar com sistema informatizado para coleta de opinião de usuários sobre atendimento e estrutura do serviço público de saúde. Inaugurado nesta segunda-feira (17), no Hospital Infantil Albert Sabin, o Programa Diagnóstico Cidadão disponibiliza aos pacientes e familiares uma pesquisa de satisfação online, que pode ser respondida através de aplicativo no celular ou computadores (totens digitais interativos) instalados no interior das unidades estaduais. A nova ferramenta, que é a concretização de uma promessa de campanha de Camilo Santana, foi apresentada à população no setor de ambulatórios do Hospital Albert Sabin pelo governador, pelo secretário da Saúde Henrique Javi, e pela diretora geral do Hias Marfisa de Melo Portela.

 

Durante o evento, que prosseguiu com visita do governador à estrutura do hospital, o toten recebeu os primeiros usuários: responsáveis por crianças atendidas na unidade conheceram o novo programa e já deixaram registradas suas opiniões.

 

170717_DIAGNOSTICO_CIDADAO_MVS1883_web.jpg

 

Enquanto aguardava o atendimento do filho Iuri, de seis anos, a auxiliar gráfica Lília Renata dos Santos, 23, aproveitou a oportunidade de conhecer o novo canal de comunicação entre sociedade e poder público. Para ela, moradora de Chorozinho, a proposta do Diagnóstico Cidadão é de grande relevância por ser um meio rápido e prático de levar avaliações e sugestões até os responsáveis pela Saúde Pública no Estado.

 

"Eu acredito que seja uma boa. É difícil a gente falar com as autoridades sobre esses assuntos, então é uma ótima ideia para ficar mais fácil da população se posicionar sobre as condições dos hospitais e de ter voz. Espero que todos participem e que consigamos realmente ajudar a melhorar o sistema", opinou a moradora do município de Chorozinho.

 

Busca por melhorias

 

O Diagnóstico Cidadão foi elaborado pelo Governo do Ceará com o objetivo de ser um aliado importante dentro do planejamento da Secretaria da Saúde do Ceará, na elaboração de planos de melhorias para cada unidade da rede estadual. Na inauguração do programa, Camilo Santana destacou que a participação ativa dos usuários através de celulares e totens será fundamental para que o Estado siga avançando em políticas voltadas à Saúde.

 

170717_DIAGNOSTICO_CIDADAO_MVS1929_WEB.jpg

 

"Quanto mais pessoas puderem dar sua opinião, como é que foram atendidas pelos médicos, pela equipe da recepção, como estava a limpeza do ambiente, tudo para que o Estado esteja sempre fazendo uma avaliação para melhorar o atendimento à população cearense. E nada melhor do que ouvir a população, nada melhor do que a opinião daqueles que são atendidos, a quem é a nossa obrigação servir", disse o governador.

 

Secretário da Saúde, Henrique Javi observou que será criado um diagnóstico permanente da totalidade da rede estadual de saúde, com a implementação do programa. "No início do ano de 2018, vamos elaborar uma premiação para as unidades que mais se destacarem dentro desse elenco não só do Diagnóstico Cidadão, mas também dessa conjugação com as informações técnicas das unidades. Não se trata de competição, mas sim da busca por oferecer sempre o melhor serviço possível", complementou.

 

Totens instalados

 

O Hias foi a primeira unidade a contar com totens do Diagnóstico Cidadão em funcionamento, ao todo três equipamentos digitais. Dentro da unidade, foram escolhidos locais onde se encontra maior fluxo de pessoas - recepção principal, ambulatórios e emergência. Atualmente, o Albert Sabin recebe cerca de 400 atendimentos por dia.

 

As novas ferramentas também serão utilizadas em outras unidades da Capital e Região Metropolitana de Fortaleza, como Hospital Geral de Fortaleza (HGF), Hospital Geral César Cals (HGCC), Hospital de Messejana (HM), Hospital São José (HSJ), Hospital e Maternidade José Martiniano de Alencar (HMJMA), Hospital de Saúde Mental Professor Frota Pinto (HSM), Hospital Geral Waldemar Alcântara (HGWA), Unidades de Pronto Atendimento (UPAs - Praia do Futuro e José Walter), Centro Integrado de Diabetes e Hipertensão (CIDH) e Centro de Especialidades Odontológicas (CEO - Joaquim Távora).

 

O programa terá aplicativo disponibilizado para smartphones, possibilitando os usuários a realização das avaliações diretamente dos seus celulares.

 

 

17.07.2017

 

Fotos: Marcos Studart / Governo do Ceará 

 

André Victor Rodrigues
Repórter / Célula de Reportagem 

 

Expediente imprensa 03Abr 2017-01

 

 

 

 

Serviços


Governo do Estado do Ceará - Palácio da Abolição - Av. Barão de Studart, 505 - Meireles, Fortaleza - Ce - CEP: 60.120-013 - Horário de Funcionamento 08 horas às 17 horas - Ver localização no mapa

© 2017 - Governo do Estado do Ceará. Todos os direitos reservados.